Pesquisa

MAIS LIDOS
50 milhões de anos no Cabo Mondego
  O Cabo Mondego constitui o maior afloramento do Jurássico…
Caminho do Xisto das Aldeias de Góis
Chegados a Aigra Nova estacionámos junto ao Núcleo da Coirela…
Os 5 Blogues mais influentes de Coimbra
As Minhas Receitas, de Joana Roque Joana Roque é um…
Coimbra 4 Kids
A fama de cidade universitária e intelectual de Coimbra é…
Praia Fluvial N. Sr.ª da Piedade
A Praia Fluvial da N. Sr.ª da Piedade é o…
Praia de Buarcos
O amanhecer devolve-nos os rochedos e o areal que a…
Praia Fluvial de Palheiros e Zorro
Entre Coimbra e Penacova, em pleno maciço marginal de Coimbra…
Praia de Mira - A melhor praia do mundo
Desde há 30 anos que a Praia de Mira recebe,…
O maior e mais luminoso areal
Localizada em plena cidade da Figueira da Foz, a Praia…
Rituais do Doutoramento Honoris Causa
O grau de Doutoramento Honoris Causa surge publicado, em 1918,…
O "Mata-Frades"
Quem chega a Coimbra, pela Ponte de Santa Clara, é…
Centro Doc. 25 de Abril
O Centro de Documentação 25 de Abril (CD25A) é uma…
Academia Briosa
“Briooooosa!” – ouve-se o grito nas bancadas dos jogos de…
Os Herdeiros da Praxis Cervejeira
  Antiga Cerveja de Coimbra O Legado     Em…
Leprosaria Nacional Rovisco Pais
  Em 1938, perante a rápida evolução da Doença de…
Siga-nos no Facebook

Newsletter

Última edição (n.º 17)


Edições Anteriores
Newsletter n.º 16
Newsletter n.º 15
Newsletter n.º 14

Terras de Mira

Monumento ao Pescador e Igreja N. Sra. Conceição - Praia de Mira Monumento ao Pescador e Igreja N. Sra. Conceição - Praia de Mira


Orgulhosamente detentora de Bandeira Azul desde há 30 anos consecutivos (a única praia do mundo com esta distinção), a Praia de Mira oferece um riquíssimo património natural e cultural a quem a visita.

Desde sempre que a sua localização costeira, ditou o destino dos homens e mulheres que aqui viveram. Eles dedicaram-se "às artes" (arte xávega); elas – as "gandaresas", pediam que o mar lhes trouxesse os maridos e o sustento (carapau, sardinha e cavala, sobretudo).
A estas matriarcas, Mira deve o desenvolvimento da sua comunidade, a educação dos filhos da terra e a exploração dos terrenos agrícolas. A Junta de Freguesia do Seixo dedicou-lhes uma estátua - a "Homenagem à Mãe Gandaresa",
Viviam nos chamados “palheiros” de madeira, as típicas habitações assentes em estacaria, que trocavam as voltas ao mar e à areia durante as marés-vivas; ou ainda na "casa gandareza", um outro modelo habitacional desta região, de influência árabe, com pátio interior, e de funcionalidade agrícola.

Da gastronomia típica da região, destacam-se a sardinha na telha com batata assada na areia, e os carapauzinhos fritos com arroz de feijão.
Em termos ambientais, Mira encontra-se na Região das Gândaras, uma sub-região de terrenos arenosos que liga as Gafanhas de Aveiro até ao Baixo Mondego.

Boa parte deste concelho está classificado, a nível europeu, como Sítio Rede Natura 2000, uma distinção que visa proteger a fauna e flora locais. Mira é também um local privilegiado para a observação de aves: aqui existem cerca de 198 espécies diferentes já catalogadas.
O canal de Mira é também uma extensão da Zona de Protecção Especial da Ria de Aveiro.
Tanto o canal como a Barrinha podem ser percorridos através de uma ciclovia que atravessa a Vila de Mira ao longo de 25km.
 

Ler 1040 vezes

Deixe um comentário

Siga-nos no Instagram

Agenda

loader

Bem-vindo a Coimbra

You must have the Adobe Flash Player installed to view this player.