PRÓXIMOS EVENTOS

7Jun.
10Jun.
Dom. 10/06 - Sáb. 30/06
Festas da Cidade da Figueira da Foz
21Jun.
Qui. 21/06 - Seg. 25/06
São João, Lousã 2018

siga-nos no facebook

Siga-nos no Instagram

Newsletter

Arroz Carolino do Baixo Mondego IGP


O Arroz Carolino produzido no Vale do Baixo Mondego recebeu, em Junho de 2015, a certificação de Indicação Geográfica Protegida (IGP) pela Comissão Europeia. A sua área geográfica de produção limita-se a algumas freguesias dos concelhos de Cantanhede, Coimbra, Condeixa-a-Nova, Figueira da Foz, Montemor-o-Velho, Pombal e Soure.

O Baixo Mondego é um território privilegiado para a produção desta variedade de arroz uma vez que reúne condições específicas e únicas para tal: elevada humidade do ar, menor radiação global, menor número de horas de luz e ainda temperaturas médias mais amenas.
Os portugueses são considerados os maiores consumidores de arroz da Europa, mas o arroz carolino ainda é dos menos procurados, o que levou os produtores a exportarem grande parte do seu produto para países como a Turquia.

Apesar de ter perdido lugar na mesa dos portugueses para a variedade Agulha, o Arroz Carolino continua a ser a melhor escolha para alguns dos pratos tradicionais da nossa gastronomia, como o Arroz de Polvo, ou em sobremesas, como o Arroz Doce. Apresenta um grão longo e formato arredondado, absorve os temperos dos outros ingredientes, é mais pastoso e cremoso que o seu concorrente, e menos refinado e mais nutritivo.

 

Deixe um comentário

Pesquisar

Atividade no Facebook